Formulário de Depoimento + Orientações

Aqui iremos colocar algumas explicações e orientações. Por gentileza leiam, é importante:

  1. Após o início dos testes muitas experiências e resultados irão aparecer. Solicitamos que após leitura do que está escrito aqui baixem o formulário;
  2. O Curso é gratuito, como bem sabem, porém para nós o importante é que haja ação, ou seja, prática. De nada valerá o estudo se não houver prática, não terá valido nem para nós nem para o aluno que não praticar. Todo nosso esforço terá sido em vão;
  3. No formulário em anexo existem orientações para que a medida que os resultados forem acontecendo, e irão acontecer se praticar, devem ser registrados e enviados a nós via email. O email a ser utilizado deve ser esse: [email protected] ;
  4. É de suma importância que se façam os registros dos depoimentos e nos sejam enviados;
  5. Os depoimentos servem não apenas para comprovação do que aqui ensinamos, mas também para divulgamos no site e campanhas para que as pessoas percebam que o curso funciona, tem resultados práticos e não é marketing nem mágica. Existe, é baseado em Leis Naturais e acima de tudo, já temos centenas e centenas de resultados. Quanto mais melhor. Em breve estaremos lançando um livro apenas com depoimentos, separados por sintomas ou problemas (Ex: Gripe, dores nos braços, dores de cabeça, etc). É nosso interesse fazer com que a sociedade desperte para esse tratamento fantástico e ao mesmo tempo cumpriremos nosso papel, que é de levar ao maior número de pessoas essa Terapia maravilhosa. É nossa contribuição.
  6. Somos profissionais formados, empresários e contamos com dezenas e dezenas de voluntários que fazem deste curso uma realidade, além de centenas de resultados.
  7. Estamos fazendo nossa parte – esperamos que possa fazer a sua: Praticando, Registrando seus resultados e nos enviando. Só assim alcançaremos o maior número de pessoas. 
  8. Se concordar que publiquemos no nosso site e campanhas, envie essa autorização no email que nos enviará, e seu nome também irá aparecer em nosso livro, que será lançado no segundo semestre.
  9. Muito obrigado.

No canto superior ou do lado direito da tela, dependendo se estiver assistindo (de um computador ou de um celular), tem um Botão com a palavra ANEXO. Em alguns celulares vai aparecer apenas o desenho de um CLIP. .   . Após ler esse texto clique nele para baixar o Formulário de Depoimento ou preencher de forma online e depois baixar.

Participe da discussão

7 comentários

    1. Pode colocar sua experiência nos comentários também, ou enviando via email para [email protected]. Pode ser em um documento texto, sem qualquer problema. Ficamos muito satisfeitos com as experiências e só servem para estimular os demais. Estamos no seu aguardo, muito obrigado.

  1. Prezados amigos, abaixo algumas duvidas:
    1. Mesmo que o paciente estiver com câncer no pâncreas, o tratamento será sempre na cabeça, no ombro e no pescoço?
    2. É conforme acima? E porque?
    3. A febre será nestes mesmos lugares se a doença for em outras partes porque há algum indicativo?
    Aguardo
    Tony de Lima

    1. Olá Tony de Lima, tudo bem? Obrigado por entrar em contato conosco. Tentaremos responder seus questionamentos seguindo a mesma ordem:
      1) As regiões que informamos no curso correspondem basicamente a totalidade do corpo, por duas razões ao menos, sendo a primeira, pelos ensinos que estudamos 90% das toxinas primeiro vão para os ombros (a partir daí para diversos órgãos e locais), para o pescoço e a partir daí para a cabeça; Nesse contexto que explicamos, mais uma vez, nos baseamos nos ensinos e também pelas nossas práticas. Ao se examinar essas áreas, existe ainda um outro conceito que faz parte do seu segundo questionamento;
      2) Existe um conceito que denominamos de autossimilaridade (quem vem da similaridade, um conceito bem antigo mas que se tornou parte da ciência há algumas décadas) onde a cabeça representa todo o corpo, e podemos afirmar que isso é um fato. Não colocamos esse conceito neste curso para que não ficasse muito grande a quantidade de aulas e mesmo isso não é impedimento para que qualquer praticante possa exercitar e comprovar. Se o problema estiver no pâncreas, como diabetes por exemplo, a origem dessas toxinas em sua grande maioria vem dos ombros, como também dos rins que ficam ao redor do órgão, comprimindo-o a ponto de ir perdendo suas funções a medida que as mesmas vão se aglomerando e se solidificando, que, causando pressão no referido órgão altera suas funções. Esse é o conceito que trazemos nesses ensinos do japonês. Ao se investigar a cabeça com certeza encontrará algumas regiões, principalmente do lado esquerdo da cabeça, mais próximo a fronte, mas na região das têmporas, que corresponde ao pâncreas. Se for um pouco mais adiante ainda perceberá calor entre o topo da cabeça e as orelhas, que correspondem aos ombros. Faça esse teste e volte a nos contatar por favor, confirmando ou não o que acabamos de falar ok? Sobre esse segundo ponto ainda nos resta informar que apenas na continuação deste curso (Parte 2) é que entramos nas explicações e demonstrações sobre o conceito autossimilaridade e muitas coisas mais;
      3) O maior indicativo que de há algo incomum, de que o organismo está trabalhando de forma mais intensa é o calor localizado, facilmente detectado após se acostumar com a equalização da temperatura ensinada no Módulo 3. Não significa que a pessoa esteja doente, mas que o organismo está demonstrando que, naquela região, há uma atividade acima do normal e por isso se manifesta o calor detectável com uma breve investigação; por fim, os ombros funcionam como repositório de toxinas, que é explicado também com maiores detalhes apenas na continuação deste curso, sendo este muitas vezes o alvo maior dependendo de algumas anomalias em determinados órgãos, mas não somente este.

Deixe um comentário